15 dicas de como superar o fim de um relacionamento

15 dicas de como superar o fim de um relacionamento

1- Aceite suas emoções Todo processo de luto compreende várias fases e é determinado por fatores particulares: se você terminou, se foi abandonada, se foi de mútuo acordo, quanto tempo estavam

Leia tudo

1- Aceite suas emoções
Todo processo de luto compreende várias fases e é determinado por fatores particulares: se você terminou, se foi abandonada, se foi de mútuo acordo, quanto tempo estavam juntos, etc. Porém, não importa como foi o término, uma coisa é certa: nas próximas semanas você irá parecer um liquidificador emocional, sem muito controle

2 – Chore
Grite, deixe sua dor sair para fora e chore até que não tenha mais lágrimas para secar. Um término é um processo de dor. Essa é só mais uma etapa que te ajudará a seguir adiante e enfrentar os próximos passos. É importante que você se permita sentir. Fazer esforço para estar bem não te permite processar o que está vivendo e resulta em desgaste emocional desnecessário.

chorar fim de relacionamento
3 – Cuide de você mesma
Coma bem, durma bem e faça exercícios.Lembre-se que o sofrimento não vai fazer o tempo passar mais rápido. Se você descuida do seu físico,o mal estar em relação ao seu corpo se juntará ao seu psicológico abalado, afetando de forma negativa sua autoestima.

Tente ver o término do seu relacionamento como licença médica: você precisa cuidar de si mesma para se curar o mais rápido possível.

4 – Procure apoio emocional com as pessoas mais próximas
Muitas vezes, nossos relacionamentos nos afastam de amigos e parente com quem antes tínhamos uma boa relação. Recuperar e fortalecer esses laços podem te ajudar a formar uma rede de apoio emocional para que não atravesse esse período sozinha. Procure alguém para desabafar suas emoções.

5 – Não tenha medo de buscar ajuda profissional
Se você não puder contar a rede de apoio descrita no item anterior, pode acontecer de você se isolar e acabar com uma depressão. Se você não consegue confiar nas pessoas que estão ao seu redor, procure algum tipo de terapia que te permita ver a sua situação sob um outro ponto de vista. Você não precisa atravessar essa fase sozinha.