Akiane Kramarik, a menina que viu o ‘verdadeiro’ rosto de Jesus.

Akiane Kramarik, a menina que viu o ‘verdadeiro’ rosto de Jesus.

Com apenas 3 anos de idade, ela começou com visões celestiais, através de seus sonhos, em uma ocasião ela disse a seus pais que havia visitado o céu e que Deus lhe havia dito que lhe daria um dom para transmitir sua mensagem à humanidade.

Leia tudo

Akiane Kramarik é uma pintora e poeta de 22 anos que nasceu em Mount Morris, Illinois, Estados Unidos, começou sua carreira desde muito pequena e de uma maneira muito especial; Com apenas 3 anos de idade, ela começou com visões celestiais, através de seus sonhos, em uma ocasião ela disse a seus pais que havia visitado o céu e que Deus lhe havia dito que lhe daria um dom para transmitir sua mensagem à humanidade, depois de completar 4 anos, começou a fazer desenhos e dois anos depois, esses desenhos começaram a ter cor para se transformar em uma obra de arte.

"Nós éramos ateus, então, escutar nossa garotinha de apenas três anos de idade dizer tudo isso, era bastante estranho. Além disso, quando questionamos a ela como ela poderia assegurar que se tratava de Deus, ela respondeu: porque eu sinto, sua voz é calma e me dá paz, ele também me disse o que eu tinha que fazer e como ele me ajudaria a ajudar as outras pessoas”, disseram os pais de Akiane.

Seus desenhos e pinturas são representações de suas visões.

Ela diz que entre suas visões, que ela teve em seus sonhos, é que conheceu Jesus de Nazaré.

"Príncipe da Paz" é o nome que recebeu sua pintura mais famosa, a mesma em que Jesus aparece e que Akiane pintou quando tinha apenas 8 anos, enfatizando que estas são suas características verdadeiras.

O mais curioso sobre isso é que a imagem que Akiane capturou, coincide com a visão que Colton Burpo teve de Jesus. Cabe recordar que quando Colton tinha quatro anos de idade, estava a um passo de morrer em uma operação de peritonite, quando acordou, afirmou ter visitado o paraíso, onde ele olhou para Jesus e muitos anjos, ele até encontrou dois parentes que tinham faleceu, entre eles a irmã não nascida que morreu aos três meses de gestação.

A primeira vez que Colton olhou para a pintura de Akiane, assegurou que este rosto de Jesus era o mesmo que ele havia visto durante a sua suposta visita ao paraíso.

Era difícil para os pais de Akiane aceitarem as revelações de sua filha, pois eram ateus, no entanto, foi através das pinturas e poesias que eles decidiram se tornar cristãos.

Akiane Kramarik, a menina que viu o ‘verdadeiro’ rosto de Jesus. Akiane Kramarik, a menina que viu o ‘verdadeiro’ rosto de Jesus.