Em Deus Salve o Rei, Afonso critica briga de Amália: 'Não é digna de uma rainha'

Em Deus Salve o Rei, Afonso critica briga de Amália: 'Não é digna de uma rainha'

UOL - O melhor conteúdo Menu Buscar Oferecimento ZAP Novelas Notícias da TV DESCONTROLADA Em Deus Salve o Rei, Afonso critica briga de Amália: 'Não é digna de uma rainha' REPRODUÇÃO/TV

Leia tudo



Em Deus Salve o Rei, Afonso critica briga de Amália: 'Não é digna de uma rainha'

Afonso (Romulo Estrela) vai repreender a mocinha após barraco no castelo em Deus Salve o Rei



Afonso (Romulo Estrela) reagirá chocado ao ver Amália (Marina Ruy Barbosa) partir para cima de Catarina (Bruna Marquezine) no castelo em Deus Salve o Rei. O monarca chegará a tempo de evitar que as rivais troquem tapas e repreenderá a ruiva ao dizer que a atitude não é digna de uma rainha. A plebeia sairá arrasada e sentirá que caiu no jogo da inimiga.

Mesmo debilitada, a princesa conseguirá espalhar o boato de que Amália é uma bruxa e foi responsável pela chegada da peste a Montemor e, assim que seu estado de saúde melhorar, procurará o inquisidor para perseguir a rival.

Dom Bartolomeu (Stênio Garcia) chegará ao reino disposto a prender a mulher de Afonso e mandá-la para a fogueira. Para provar que a inimiga é uma feiticeira, a vilã plantará um livro de magia em sua antiga casa para ser encontrado pelo inquisidor.

O plano resultará no julgamento da mocinha. Bartolomeu convocará os súditos de Afonso para decidirem se ela deverá ou não ser queimada e a submeterá a um teste. Com a ajuda da bruxinha Agnes (Mel Maia), a personagem de Marina Ruy Barbosa se sairá bem e ganhará sua liberdade.


A mocinha voltará furiosa ao castelo, certa de que caiu em uma armadilha preparada pela princesa malvada e a agarrará pelo braço no corredor do castelo. O rei chegará a tempo de flagrar a briga, e Catarina se fará de vítima diante dele.

"Me explica direito que briga foi aquela!", cobrará o monarca, após a confusão. "Foi ela, Afonso! Só pode ter sido Catarina quem chamou dom Bartolomeu para Montemor! Ela viajou e passou a noite fora na véspera de ele chegar!", justificará ela.

"Catarina não tinha condições de viajar, ainda estava se recuperando da peste", retrucará o personagem de Romulo Estrela. "Ela foi a Brúnis! E também colocou o livro de magia na casa onde morei! Catarina queria me ver na fogueira!", acusará a ruiva, revoltada ao perceber o jogo da rival.


"Fique calma, Amália! São acusações muito sérias! Eu vou investigar o que realmente aconteceu. Mas enquanto não tivermos provas, eu quero que você mantenha a calma. Discutir com Catarina pelos corredores do castelo não é uma atitude digna de uma rainha. Mais que isso: não é uma atitude digna de você", repreenderá o rei.

Em seu quarto, Catarina comemorará a reação explosiva de Amália. "Agora sim, Amália mostrou que não passa de uma feirante rude e grosseira. Adorei o escândalo! Quanto mais destemperada, melhor! Dessa forma, Afonso verá que ela não tem condições de ser rainha", comentará com Lucíola (Carolina Ferman).

"Amália pode não ter modos, mas é esperta. A suspeita de que foi vossa alteza quem chamou o inquisidor está correta", ponderará a criada. "Mas ela não tem prova alguma contra mim e está visivelmente transtornada, o que tira a credibilidade do que diz", afirmará a princesa, satisfeita.