Instaladores de internet emocionam ao tocar piano em casa de cliente no Paraná

Instaladores de internet emocionam ao tocar piano em casa de cliente no Paraná

Três funcionários de uma empresa de telecomunicações viralizaram na internet em um vídeo onde aparecem tocando piano e cantando na casa de uma cliente em Araucária, na Região Metropolitana de

Leia tudo


Três funcionários de uma empresa de telecomunicações viralizaram na internet em um vídeo onde aparecem tocando piano e cantando na casa de uma cliente em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba.

"Ganhamos um verdadeiro show de talento, humildade, espiritualidade", escreveu a professora Priscila de Carvalho, de 28 anos, no Facebook.

Até a manhã desta quarta-feira (16), 12 dias depois de Priscila postar os vídeos na rede social, a publicação tinha cerca de 1,5 mil de curtidas e mais de 1,1 mil compartilhamentos.

O auxiliar técnico Ricardo Farani, de 30 anos, é um dos que aparecem tocando piano nos vídeos. Ele, que é músico, conta que toca o instrumento desde criança e que costuma se apresentar na igreja.

Essa foi a primeira vez, porém, que Ricardo e os colegas de trabalho Gil e Adilson - que participam do coral de outra igreja - se apresentaram juntos na casa de um cliente.

"A gente foi fazer uma instalação e, quando chegamos, tinha um piano. Um colega disse que eu tocava e, então, pediram para eu tocar. Lavei as mãos, fiquei olhando para o piano, sentei e toquei", relata.

O auxiliar técnico lembra, ainda, que foi um dos seus parceiros que sugeriu tocar "Aleluia", a música que mais emocionou a todos.

"A cliente também adorava essa música, tinha um significado especial na vida dela. Todo mundo ficou emocionado, acho que era algo que todo mundo ali precisava", revela.

Além de "Aleluia", os instaladores de internet também tocaram e cantaram outras músicas, como "O Poder do Amor".

Priscila conta que a apresentação de Ricardo e dos colegas foi mesmo emocionante.

"Eu estava em uma reunião e meu marido me ligou pedindo para voltar urgentemente para casa. Quando cheguei, eles estavam lá, tocando. Eu só conseguia chorar. Nunca tinha visto algo tão lindo", explica.

A professora relata também que, depois, todos ficaram amigos. "Neste final de semana, vai ter um almoço entre as nossas famílias", relata. (Rádio Web CP com texto e informações do G1 PR, Curitiba).