MORTE: AS DIFERENÇAS ENTRE SUICÍDIO ASSISTIDO, EUTANÁSIA E ORTOTANÁSIA

MORTE: AS DIFERENÇAS ENTRE SUICÍDIO ASSISTIDO, EUTANÁSIA E ORTOTANÁSIA

O debate sobre a antecipação da morte foi retomado, recentemente, após o cientista britânico David Goodall ter falecido, aos 104 anos, após se submeter a um procedimento de suicídio assistido. David

Leia tudo

O debate sobre a antecipação da morte foi retomado, recentemente, após o cientista britânico David Goodall ter falecido, aos 104 anos, após se submeter a um procedimento de suicídio assistido.

David Godall viajou à Suíça para fazê-lo, pois teve o recurso negado no país onde havia se radicado, a Austrália, segundo a fundação Exit International, que o ajudou no procedimento.

Diversos procedimentos podem ser adotados para antecipar o momento da morte. A maioria deles é proibida no Brasil, mas permitida em outros países.

Veja abaixo as diferenças entre cada um.

Suicídio assistido
Ato de provocar a própria morte de maneira segura e sem sofrimento, com a assistência de alguma entidade especializada. Nesse caso, é o próprio paciente que conduz o procedimento. Geralmente são aceitas nessas entidades pessoas com doenças incuráveis ou uma condição que provoca intenso sofrimento. É proibido pela lei brasileira.

Eutanásia
É o ato de provocar a morte de um paciente em estado terminal ou com doença incurável, a pedido do doente ou de um parente. Difere do suicídio assistido pois, na eutanásia, é um terceiro que conduz o ato que levará a pessoa à morte. Também é proibido no Brasil.

Ortotanásia
Neste caso, o doente em estado terminal, com doença grave e irreversível, pode ser privado de “procedimentos fúteis” que prolonguem sua vida, como ser entubado ou ter a respiração mantida por meio de aparelhos. Este ato é permitido no Brasil.

Top 5 animais terrestres mais velozes
Testamento vital
Documento registrado em cartório em que o paciente manifesta por quais procedimentos aceita passar caso desenvolva uma doença grave e incurável. Neste testamento, ela pode deixar claro que não quer passar por tratamentos que prolonguem sua vida.