Segundo Sol: Ícaro se revolta e diz a Luzia que a odeia..

Segundo Sol: Ícaro se revolta e diz a Luzia que a odeia..

Em Segundo Sol, na Globo, a saga de Luzia (Giovanna Antonelli) continua muito difícil. A tarefa de reconquistar seus filhos e, então, reunir sua família apresenta as primeiras resistências. Ao saber

Leia tudo

Em Segundo Sol, na Globo, a saga de Luzia (Giovanna Antonelli) continua muito difícil. A tarefa de reconquistar seus filhos e, então, reunir sua família apresenta as primeiras resistências. Ao saber que sua mãe retornou, Ícaro (Chay Suede) não reagirá bem e vai brigar feio com ela. Em determinado momento, ele chegará a dizer que a odeia. Confira.

“Você vai continuar com esse teatro pra mim?!”, perguntará o rapaz. “Me escuta, Ícaro, me escuta! É verdade, acredita em mim! Eu tive que fugir da cadeia, fugir do país”, responderá a protagonista. “Olha o que você diz, ‘tive que fugir’, fugir por quê? Fugir do país? Por quê? Se era inocente como diz”. “Fui jurada de morte na cadeia! Você não tem ideia do que eu passei! Essa mulher com quem você tá envolvido, essa Laureta, armou contra mim no passado, tentou ferrar com a minha vida, você precisa se afastar dela!”, explicará.
“Confio muito mais em Laureta do que em você e do que nela… que passaram a vida mentindo”, dirá se referindo também a Cacau, sua tia. “Não diz isso, meu filho…”. “’Meu filho’, que ridículo ouvir essa palavra da sua boca… Você não é minha mãe, nem nunca vai ser!”. “Ícaro, dá uma chance pra Luzia, se acalme, escute!”, pedirá Cacau.

“Eu tive alguma chance? Vocês me deram alguma chance? Você entregou seus filhos pra sua irmã como se fossem dois entulhos e agora volta, só dá as caras porque eu lhe desmascarei, e dá uma de mãe boazinha, preocupada, me chamando de meu filho? Eu não acredito em nada que você fala!”, rebaterá.

“Então me diz: Por que é que eu voltei? Por que eu quis lhe encontrar? Se sou essa bandida desalmada, por que tô fazendo isso? Me expondo, me arriscando, se podia continuar longe, em segurança?”. “Sei lá que planos você tem, o que é que se passa nessa sua cabeça… vai ver que você quer se vingar de Laureta, de alguém. Pelo jeito você se deu bem na vida, daquela marisqueira que você era pra essa mulher de hoje, cheia de truques… parece que seus golpes deram certo”.

“Não tem golpe nenhum! Se eu lhe explicar a minha história você vai entender… Eu te amo, meu filho, tudo o que mais quero na vida é que você e sua irmã um dia me perdoem, que vocês deixem eu ficar perto de vocês, eu voltei por vocês, por amor a vocês, eu juro!… Deixa eu lhe dar um abraço…”. “Não encosta em mim! Vou ligar pra polícia”.

Neste momento, Cacau vai tirar o celular da mão de Ícaro. “Vai embora, Luzia!”. “Me devolve isso!”. “Ícaro…”, falará Luzia. “Sai daqui, Luzia!!!”. “Eu te amo, meu filho… te amo…”. “Eu odeio você, desaparece pra sempre, não me procura nunca mais! Odeio você!”, concluirá o rapaz.